Inicio » , » Homem é morto por cabo de aço esticado por retroescavadeira em Criciúma!

Homem é morto por cabo de aço esticado por retroescavadeira em Criciúma!


Um trágico acidente foi registrado no Bairro Brasília, em Criciúma. O motociclista, Dilnei de Souza Ferreira, 44 anos, morreu na hora ao bater contra um cabo de aço, esticado sobre a rua.


Por pouco o homem não teve a cabeça decapitada. O cabo de aço estava atravessado no meio da Rua Salvador e era usado para rebocar um caminhão que transportava uma casa. Do outro lado da rua estava uma retroescavadeira dando suporte. Após o acidente, o condutor da retroescavadeira fugiu do local.


A vítima morava a menos de 200 metros do local do acidente. O condutor do caminhão foi encaminhado à delegacia para prestar depoimento. O corpo de homem foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para necropsia.


O delegado de plantão, Leandro da Rocha Loreto, trata o episódio como homicídio culposo (quando não há a intenção de matar), e não como acidente. “Trata-se de um homicídio com culpa concorrente, ou seja, vítima e autores colaboraram para o resultado, que foi a morte. Os motoristas, do caminhão e da retroescavadeira, por trabalhar sem autorização e sem sinalização, e o motociclista, que ao que tudo aponta, estava em alta velocidade”, explica a autoridade policial. Um inquérito policial foi instaurado e os condutores podem ser indiciados por homicídio culposo. “Fui até o local dos fatos e ouvi testemunhas oculares”, acrescenta Loreto.

Caminhão não tinha autorização
Moradores chegaram a informar que havia dois homens sinalizando a via. Também chovia no momento da colisão. Devido o impacto, o capacete dele foi arremessado para a lateral da rua. Conforme a Autarquia de Segurança, Trânsito e Transportes de Criciúma (ASTC), o caminhão não estava autorizado a realizar o transporte da casa, que tem que ser feito em horários de pouco movimento e com escolta da Guarda Municipal.

10 comentários :

  1. O interessante deste vídeo e o comentário dos moradores "OLHA A VELOCIDADE QUE ELE VINHA" "OLHA ONDE A MOTO FOI PARAR". atravessa um cabo de aço no meio da rua e o culpado e o motoqueiro, cada a sinalização, isolamento, cadê o acompanhamento da policia para fazer um serviço deste tipo.
    OBS: Muitos curiosos e pouca segurança da nisso.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. ahhh mas esses motoqueiros sao sacanagem, tinha sinalizaçao sim mas como todos sao mal educados ele passou pelos cones e deu no que deu...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cones, onde você viu cones?

      Excluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Santa Catarina... esperavam o que? Um bando de retardados. Atravessam o cabo no meio da rua e colocam a culpa no motociclista.

    ResponderExcluir
  7. O video foi retirato do youtube. Não da pra ter certeza do que aconteceu, não se sabe se a rua estava sinalizada ou não. só Sabemos uma vida se foi em vão.

    ResponderExcluir
  8. O video foi retirato do youtube. Não da pra ter certeza do que aconteceu, não se sabe se a rua estava sinalizada ou não. só Sabemos uma vida se foi em vão.

    ResponderExcluir

Anterior Proxima Página inicial

Compre Camisetas e Bonés